Categoria: CORRUPÇÃO

Tribunais revogam 277 anos de penas em processos de casos de corrupção

Tribunais revogam 277 anos de penas em processos de casos de corrupção

Um levantamento do jornal O Estado de S. Paulo mostra que condenações anuladas em tribunais nos processos da Lava Jato já significam 277 anos e 9 meses de cadeia a menos para os condenados. Desse total, 78 anos e 8 meses eram penas aplicadas a agentes políticos, como o ex-presidente Lula e o ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha. Na mesma ação que beneficiou Cunha, outro ex-presidente da Casa, Henrique Eduardo Alves, havia sido sentenciado a 8 anos de prisão por corrupção e lavagem. Os dois emedebistas eram acusados de integrar um esquema de fraudes no fundo de investimento FI-FGTS. O