Deputados estaduais torraram R$296 milhões no RN

A folha de pagamento passou de R$176,9 milhões para R$185,7 milhões.

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte aumentou em quase R$20 milhões os gastos entre janeiro e outubro comparado com o mesmo período de 2022. Foram R$296,3 milhões para manter a estrutura disponível para o trabalho dos 24 deputados estaduais, R$19,2 milhões a mais do que em 2022. Percentualmente, o item com maior variação foi o gasto com material e distribuição gratuita, alta de 381,71%. Passou de R$4,5 mil no ano passado para R$21,8 mil neste ano. Veja na Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder. 

Gastos com passagens e locomoção dispararam, passaram de R$458,8 mil para R$585,3 mil. Alta de 27,57%.

As diárias, que garantem um reforço nos vencimentos, também deram um salto. Foram de R$503,2 mil para R$908,3 mil. Subiu 80,5%. A folha de pagamento, claro, não ficou de fora da gastança e aumentou quase R$8 milhões. Passou de R$176,9 milhões para R$185,7 milhões.

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *