Operação prende suspeitos de matar policial civil em São José de Mipibu

Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) cumpriu três mandados de prisão e 10 de busca e apreensão nesta terça-feira (12) em dois bairros de Natal.

Operação da Polícia Civil prendeu suspeitos de matar policial no Rio Grande do Norte. — Foto: Cedida

Uma operação deflagrada pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil, nesta terça-feira (2), prendeu pelo menos três pessoas suspeitas de envolvimento na morte do policial civil Cláudio Ferreira da Silva, de 49 anos, que aconteceu no dia 30 de junho em São José de Mipibu, na Grande Natal.

Segundo a polícia, a Operação “Cassinho” cumpriu três mandados de prisão temporária e 10 mandados de busca e apreensão nos bairros de Mãe Luiza, na Zona Leste, e Planalto, na Zona Oeste de Natal.

A Polícia Civil ainda informou que o crime é tratado como latrocínio, ou seja, roubo com resultado de morte.

Segundo a corporação, mais informações sobre as investigações serão divulgadas em uma entrevista coletiva no início da tarde desta terça-feira (12).

Corpo foi encontrado em área de coqueiral. — Foto: Cedida
Corpo foi encontrado em área de coqueiral. — Foto: Cedida

O crime

O policial civil foi raptado e assassinado no dia 30 de junho, uma quinta-feira, na zona rural de São José de Mipibu.

Segundo a Polícia Militar, o agente de segurança estava com mulher e filho na granja da família, quando foi surpreendido por cerca de cinco criminosos que o amordaçaram e levaram.

O crime ocorreu no distrito de Arenã. Vizinhos, que não quiseram gravar entrevistas, relataram ter ouvido gritos de socorro.

Horas depois, o corpo do agente foi encontrado numa área de coqueiral, próximo da granja da família. De acordo com a PM, os criminosos levaram uma arma e um colete dele.

Fonte: G1

Redação

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.