3,9 milhões podem sacar FGTS nesta quarta (20); veja calendário e quem tem direito

O banco libera os valores em lotes a cada sete ou dez dias, conforme o mês de aniversário do profissional, segundo informou nesta terça (19) o presidente da Caixa, Pedro Guimarães.

A Caixa Econômica Federal pagará, nesta quarta-feira (20), até R$ 1.000 no saque extraordinário do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) para 3,9 milhões de trabalhadores nascidos em janeiro, que poderão sacar R$ 2,7 bilhões.

O banco libera os valores em lotes a cada sete ou dez dias, conforme o mês de aniversário do profissional, segundo informou nesta terça (19) o presidente da Caixa, Pedro Guimarães. A movimentação do dinheiro será feita pelo aplicativo Caixa Tem, mas somente após a data estabelecida para a liberação, conforme calendário.

O próximo pagamento deste mês será no dia 30 de abril, para 3,2 milhões de trabalhadores nascidos em fevereiro, que vão sacar um total de R$ 2,2 bilhões. A liberação normalmente é feita às quartas e aos sábados. O calendário de pagamentos vai até 15 de junho.

O trabalhador deve acessar o aplicativo FGTS para verificar se receberá o dinheiro automaticamente no Caixa Tem ou se precisará fazer o pedido de liberação dos valores, procedimento que é feito no próprio aplicativo do FGTS.

Depois, será preciso acessar o Caixa Tem a partir do dia em que o dinheiro for liberado, seguindo o calendário. Quando o recurso entra na conta que é movimentada pelo aplicativo Caixa Tem é possível transferir o valor para outra conta bancária, fazer Pix, pagar boletos e gerar código para saque em dinheiro.

VEJA O CALENDÁRIO DE SAQUE DO FGTS 2022

Mês de nascimento – Data de depósito – Quantos poderão sacar (em milhões) – Total liberado (em bi, em R$)

Janeiro – 20 de abril (quarta) – 3,9 – 2,7
Fevereiro – 30 de abril (sábado) – 3,2 – 2,2
Março – 4 de maio (quarta) – 3,5 – 2,5
Abril – 11 de maio (quarta) – 3,7 – 2,6
Maio – 14 de maio (sábado) – 3,8 – 2,7
Junho – 18 de maio (quarta) – 3,6 – 2,6
Julho – 21 de maio (sábado) – 3,5 – 2,5
Agosto – 25 de maio (quarta) – 3,4 – 2,4
Setembro – 28 de maio (sábado) – 3,4 – 2,6
Outubro – 1º de junho (quarta) – 3,5 – 2,5
Novembro – 8 de junho (quarta) – 3,2 – 2,4
Dezembro – 15 de junho (quarta) – 3,3 – 2,3
*
APLICATIVO APRESENTA INSTABILIDADE

Na tarde desta terça (19), o aplicativo FGTS apresentou instabilidade. Há casos de usuários que não conseguem acessar, outros dizem que há demora, mas, após a espera, o acesso é liberado e há ainda os que não estão conseguindo solicitar os valores (quando for o caso) e recebem a informação de que precisarão ir até agência da Caixa.

Na maioria dos casos, os trabalhadores estão enfrentando uma fila de espera virtual para fazer a consulta aos valores.

A espera, no entanto, é curta. Após passar pela fila, o trabalhador consegue saber se terá o saque de forma automática ou se precisará fazer a solicitação dos valores.

Em caso de falhas, uma das dicas é reinstalar o aplicativo ou fazer a atualização na loja de aplicativos do celular. A Caixa foi procurada, mas ainda não comentou os casos.

PAGAMENTO DOS VALORES SERÁ PELO CAIXA TEM

O saque extraordinário do FGTS será feito pelo Caixa Tem em uma poupança social digital aberta pela Caixa no nome do trabalhador. O acesso ao dinheiro só ocorrerá na data em que o trabalhador estiver autorizado a sacar, conforme o calendário.

No entanto, para saber se vai receber até R$ 1.000, o cidadão precisa, antes, fazer a consulta pelo app FGTS ou pelo site fgts.caixa.gov.br. Para a maioria dos trabalhadores, o dinheiro será liberado de forma automática. No entanto, há casos em que será necessário fazer a solicitação de saque.

A solicitação é feita apenas pelo aplicativo. No site, as funcionalidades são limitadas e só é possível consultar se tem direito e como será o pagamento.

NÃO É POSSÍVEL RECEBER O FGTS EXTRAORDINÁRIO EM OUTRA CONTA

Ao receber na poupança social digital, é possível transferir o dinheiro para outro banco, sacar gerando um código de retirada, realizar uma transferência via Pix, pagar contas ou fazer compras.

QUEM TEM DIREITO AO SAQUE EXTRAORDINÁRIO

O cidadão com conta aberta no FGTS, que tenha saldo e não haja bloqueio do dinheiro, como no caso de quem optou pelo saque-aniversário. Ao todo, 42 milhões de trabalhadores vão receber cerca de R$ 30 bilhões.

O valor de até R$ 1.000 por trabalhador considera a soma dos saldos disponíveis em todas as contas abertas, tanto do atual empregador quanto dos antigos. Para saber se vai receber, é possível fazer a consulta no aplicativo e no site FGTS.

App FGTS
– fgts.caixa.gov.br
– 4004-0104 (capitais e regiões metropolitanas)
– 0800-1040104 (para as demais regiões)

SAIBA CONSULTAR O SALDO PELO APP DO FGTS
1 – Atualize ou baixe o aplicativo FGTS no seu celular
2 – Depois, abra o app e clique em “Entrar no aplicativo”
3 – O programa perguntará se pode utilizar caixa.gov.br; clique em “Continuar”
4- Informe seu CPF, vá em “Não sou um robô” e, depois, em “Próximo”; se o programa pedir para identificar imagens, identifique-as e vá em “Verificar”
5 – Informe a senha e clique em “Entrar”
6 – Aparecerá uma mensagem com informações sobre o saque extraordinário do FGTS, clique em “Entendi”
7 – Na tela inicial, vá em “Saque Extraordinário”, no quadro laranja
8 – Na próxima tela, aparecerá o quanto estará disponível para você sacar
9 – Para saber de quais contas o valor está sendo debitado, clique em “Ver contas FGTS liberadas”
10 – O pagamento é automático, na conta social digital, para a maioria dos trabalhadores; em alguns casos, será preciso fazer a solicitação (veja o passo a passo abaixo)

O QUE É POSSÍVEL CONSULTAR PELO SITE DO FGTS

1 – Acesse o site www.fgts.caixa.gov.br
2 – Na página inicial, vá em “Saque Extraordinário do FGTS” e clique em “Consulte aqui”
3 – No campo específico, informe o CPF ou o número do PIS (caso não tenha o número do PIS, a consulta pode ser feita pelo Meu INSS; clique aqui para outras formas de saber o PIS)
4 – Clique em “Não sou um robô” e vá em “Continuar”
5 – O sistema pedirá para clicar em imagens; identifique-as e vá em “Verificar”
6 – Será preciso informar sua senha de internet e clicar em “Continuar”; se não tiver ou não se lembrar, vá em “Cadastrar/recuperar senha”
7 – Aparecerá seu número de celular ou a opção de cadastrar um para receber “SMS”
8 – Haverá uma mensagem informando se você tem direito ao saque do FGTS e como será feita essa retirada
9 – Se for o caso, o sistema informará que seu FGTS não será liberado automaticamente em uma poupança social digital. Para fazer o pedido de liberação, será preciso acessar o app do FGTS na opção Saque Extraordinário do FGTS

Colaborador

Colaborador

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.