Ministério Público e Polícia Militar entendem que jogo de futebol ainda deve acontecer sem público

Do Ministério Público do RN, sobre a partida de futebol do domingo em Natal:

Na tarde desta quinta-feira (16), o promotor de Justiça Luiz Eduardo Marinho Costa e o comandante do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque), tenente-coronel Ricardo dos Santos, se reuniram e entenderam que permanecem válidas as regras atinentes ao não ingresso de torcedores no estádio, oriundas da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), até ulterior deliberação. A CBF é a entidade organizadora da Série D do Campeonato Brasileiro.

Nesta quinta, foi publicada uma portaria pelo Governo do Estado que estabelece medidas para regulamentar a realização de jogos das competições de futebol profissional no RN com presença de público no contexto da pandemia de Covid-19. Para o MPRN e a PM, salvo decisão judicial em contrário, a portaria só é válida para competições que não sejam organizadas pela CBF.

Ainda no entender do MPRN e da PM, só poderão ter acesso ao estádio Frasqueirão o quantitativo limite de convidados dos clubes, desde que essa lista seja previamente enviada à Federação Norteriograndense de Futebol (FNF e à CBF, e as pessoas que estiverem trabalhando na partida, como profissionais de imprensa e policiais.

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *